domingo, 25 de maio de 2014

" ACALMA AMOR"

" ACALMA AMOR"

Acalma meu amor
Esta minha dor e agonia
Desta solidão
Que em mim fez a sua morada.
Acalma-me meu amor.
Da vontade louca de beijar a tua boca.
Que invade de desejos.
Esta pobre alma que acorda assustada.
Acalma-me meu amor.
Deste frio que gela o meu coração.
Das imagens guardadas.
E memórias escondidas.
Acalma-me meu amor
Das noites em agonia.
Que me faz sonhar contigo.

Isabel Morais Ribeiro Fonseca