sexta-feira, 30 de outubro de 2015

DESLIZAS AMOR

DESLIZAS AMOR

As tuas mãos deslizam
- Sobre a minha pele

No calor do verão
- Entre os ventos outonais

- Acalentando o meu refugio
E o teu toque umedece

- A minha alma
Nos sons que ecoam

- Uma eternidade inteira.
Quero perder-me

- Nas curvas do teu sorriso
Onde deslizas no meu corpo e eu no teu.
 
Isabel Morais Ribeiro Fonseca

sábado, 10 de outubro de 2015