terça-feira, 4 de fevereiro de 2014

" CAMINHO DE COR"


" CAMINHO DE COR"

Sempre em frente
   - continua sempre
Fiz de mim uma estrada
 -  um caminho
Um trilho, uma rua
 -  um beco sem volta
Percorri caminhos
 - estradas que eu escolhi
Conheci a dor, solidão
  -  escuridão, amor, paixão
Sofri desilusões, mágoas
  -  cantei, chorei, amei
Sempre em frente
 -  num caminho colorido
A vida continua sempre bela
 - triste e sombria
Trilhos de várias cores
 -  sem medo de ser vivida..

Isabel Morais Ribeiro Fonseca