segunda-feira, 6 de janeiro de 2014

ARDENTE

ARDENTE

Sussurros ardentes
Delírios gemidos
Noite quente
Ardente corpo
Meia luz
Vinho tinto
Aventura despertar
Ser e fazer
Amar e desejar
Levantando o coração
Onde está a razão.

Isabel Morais Ribeiro Fonseca