segunda-feira, 30 de dezembro de 2013

"AMOR"

"AMOR"

Meu amor sofro, por não te ver
Ter, abraçar e beijar
Que o nosso caminho seja brando
Que o sol brilhe na nossa casa
E no sorriso da nossa face
Que o vento sopre leve
Sempre nos nossos ombros
Que a poeira nos nossos olhos
Nunca sejam de dor
O orgulho no amor é fútil (...)
Um sentimento inútil e depressível .
 
Isabel Morais Ribeiro Fonseca